Dos céus para todos os terrenos – as origens da Subaru

subaru_mixed_2

A Subaru é um fabricante conhecido pela sua inovação e excelência em engenharia. Atualmente, tração integral permanente e motor boxer são itens obrigatórios em quase todos os carros que vem com o emblema oval estrelado. A multinacional Fuji Heavy Industries é dona da Subaru, sendo a Toyota dona de 16,1% da FHI. Continuar lendo

The answer is always Miata

mazda_mx-5_36

Roadster são carros de dois lugares, conversíveis, geralmente leves e acessíveis. Essa categoria foi popularizada pelos britânicos com o MG TA, atingindo o seu auge nos anos 60. A partir dos anos 70 os roadsters tradicionais começaram a desaparecer, no final dos anos 80 restava apenas a Alfa Romeo Spider para representar a categoria. Continuar lendo

Apresentando o inesperado… Ford Mustang!

mustang_coupe_2

No dia 17 de Abril de 1964 os Estados Unidos parou diante do lançamento de um novo carro. Sua apresentação foi na Feira Mundial de Nova Iorque, no dia anterior um comercial foi veiculado no horário nobre da televisão e ele foi pace car de uma corrida da NASCAR. O carro era pequeno e tinha linhas esportivas de influencia européia, o preço era apenas 2.368 dólares. A sua produção tinha começado em 9 de Março, no dia do lançamento, em Abril, todas as concessionárias do pais já tinham recebido o carro. Essa foi uma jogada de risco do executivo Lee Iacocca, o lançamento de um carro pequeno nos EUA dos anos 60 podia ser um tremendo fracasso ou um grande sucesso. No primeiro dia foram vendidas 22 mil unidades desse carro, em muitas cidades as unidades de pronta entrega foram disputadas a tapa. Em Garland, Texas, os carros foram vendidos tão rápido que o último foi leiloado e o vencedor dormiu no carro até o banco aprovar o seu cheque no dia seguinte para garantir que outra pessoa não comprasse o carro. Qual é o nome desse carro? Ford Mustang Continuar lendo

Tempos de crise

Imagem

 

Os impactos da primeira crise do petróleo na indústria automotiva norte americana no início dos anos 70 foram bastante severos, o embargo quase quadruplicou o preço do precioso suco de dinossauro. Junto disso vieram leis de controle de emissões e segurança que contribuíram para piorar a situação dos carros americanos. Os motores V8 foram perdendo potencia, obrigando os fabricantes a lançarem carros menores e mais econômicos. A Ford lançou o seu em 1971, o carro se chamava Pinto e tinha porte similar ao do nosso conhecido Chevrolet Chevette. Continuar lendo